Como Aumentar a Vida Útil de um Celular?

Quer dicas para que a bateria do seu celular dure mais? Então não deixe de acompanhar esse post.


Imagem de um iPhone com a tela ligada

Ao cogitar a compra de um novo aparelho telefônico, um dos primeiros detalhes que a grande maioria dos brasileiros se atentam é em relação a bateria do smartphone, afinal de contas, ninguém gosta de chegar no meio do dia com pouca bateria. Percebendo isso, muitas empresas começaram a lançar celulares com miliamperes mais significativos, o que agradou a grande maioria.

Imagem de um iPhone com a tela ligada
Está querendo aprender algumas dicas para aumentar a vida útil do seu celular? Então é só continuar nesse post.

Entretanto, mesmo essa sendo uma mudança considerável, algumas pessoas ainda continuaram a ter problemas com a bateira do celular. Em um mundo em que a economia não anda tão bem, com inflação alta, desempregos e com uma crescente onda de conscientização ambiental, a vida útil de um celular tem se tornado uma preocupação tanto para os consumidores quanto para as empresas de telefonia.

Uma pesquisa divulgada pela agência de consultoria IDC revelou que os consumidores interessados em comprar um celular vão atrás de preço, da qualidade da câmera e da duração da bateria. Não seria de menos já que esta última é a maior responsável pela curta vida dos aparelhos. De acordo com as empresas de telefonia, a bateria tem um ciclo de mil cargas, quanto mais vezes o celular for carregado, menor será a longevidade dele. 

O brasileiro passa em média 3 horas por dia no telefone, segundo o Estado de Serviços Móveis. Com todo esse acesso é normal que a bateria acabe rapidamente, o sistema fique sobrecarregado e a vida útil de um celular diminua. Mas existem alguns cuidados que podem aumentar a longevidade do seu aparelho, e é exatamente isso que iremos mostrar no post de hoje, confira!

Dicas para aumentar a vida útil de um celular

Seria demais sonhar com um smartphone que tenha uma vida útil de 10 anos? Imagina… uma bateria que dura uma semana inteira, uma tela inquebrável, super resistente ao calor e à umidade, com internet móvel sem limites e com um sistema operacional tão seguro que nenhum vírus passaria… Sonhar é bom, mas a realidade é que, segundo se estima, a vida útil de um celular é de 2 anos.

Iphone cinza com a tela virada para baixo encima de uma mesa
Apesar das estatísticas para a vida útil de um celular ser baixa, se você cuidar bem, o seu smartphone pode durar muito mais.

Contudo, a vida útil do seu celular pode ser um pouco maior do que essas estimativas, desde que você saiba cuidar corretamente do seu aparelho. É comum que você tenha muitas dúvidas e não saiba como exatamente passar a ter os devidos cuidados, pois tudo que é novo acompanha um certo desentendimento no assunto, e para ajudá-lo um pouco nisso, confira as dicas abaixo!

Evite o superaquecimento do smartphone

Um dos motivos que mais prejudica o funcionamento da bateria de celular é o aquecimento excessivo do aparelho. A bateria de lítio é bem sensível a temperaturas extremas, portanto evite deixá-las exposto ao sol ou em ambiente muito quente. Na hora de carregar o telefone, tire a capinha protetora para evitar que o calor fique retido e superaqueça o dispositivo.

Homem segurando um celular com uma capinha protetora
Apesar de a capinha protetora ter uma função muito necessária, recomenda-se retirá-la ao carregar o celular, pois isso pode propiciar um superaquecimento.

Se o seu smartphone der sinal de temperatura elevada, o ideal é que você suspenda o uso até que resfrie naturalmente. O calor excessivo modifica o sistema interno da bateria e pode causar o rompimento e, em casos extremos, a explosão do celular. Outra dica para evitar o superaquecimento do seu celular é utilizar alguns aplicativos a seu favor.

Há alguns aplicativos que analisam constantemente o estado da bateria e a temperatura do seu celular e, caso detecte que a temperatura está acima do normal, o próprio app se encarrega de avisar. Além disso, esses apps também monitoram qual aplicativo está fazendo o seu smartphone superaquecer e, caso você queira, há a possibilidade de encerrá-lo para que o seu aparelho esfrie rapidamente.

Evite quedas e ambientes úmidos

As quedas podem causar estragos tanto no funcionamento do smartphone como na estética e, assim, diminuir a vida útil de um celular. Normalmente telas quebradas custam caro para trocas. Vale investir em capas anti-quedas que amortecem o impacto. A umidade em excesso também prejudica. Evite levar o celular para banheiros e lugares muito úmidos.

Atente-se sempre a alguns detalhes, se o seu celular não tiver proteção contra água, é mais recomendável deixar ele longe do banheiro ou piscinas, pois há risco de cair alguns respingos. Caso você frequente um lugar desse tipo, recomenda-se utilizar uma daquelas capinhas que privam quaisquer resíduos de entrar em contato com o seu telefone.

Homem segurando um celular com uma capinha rosa e preta
Há capinhas que são propícias para ambientes úmidos, então caso você vá frequentar um lugar assim, pode ser interessante obtê-las.

Uma película para o seu dispositivo móvel também é indispensável para quem quer garantir maior segurança contra quedas, entretanto, você não pode simplesmente comprar a primeira película que aparecer na sua frente. Atualmente no mercado há várias opções, as de vidro, líquida, película de privacidade, PET, transparente, foscas e outras. Vale a pena aprender mais sobre elas e decidir qual é a mais adequada para o seu perfil.

Evite a carga e a descarga total do aparelho

Deixar o aparelho descarregar ou carregar por completo diminui a vida útil da bateria. Sim, quanto mais baixa ou alta a energia do celular, mais íons são necessários para que ele continue funcionando. Esse alto stress desestabiliza o funcionamento da bateria deixando-a viciada. Segundo os fabricantes de celular, o número de cargas de cada aparelho é pré-definida. É uma pena que esse tipo de informação não esteja nos manuais dos smartphones.

Faça pequenas recargas durante o dia

Nada de deixar o aparelho carregando a noite toda para usar no dia seguinte, o ideal é fazer pequenas recargas durante o dia. As baterias de lítio não suportam extremos e cargas curtas diminuem esse stress no equipamento. Uma dica legal é tentar manter o nível de bateria entre 40% e 80%, onde há menos deslocamento de íons e menos esforço do aparelho em se manter funcionando.

Use o carregador original do produto

A máxima “o barato que sai caro” cabe bem neste item. Evite usar carregadores não originais, eles não possuem o sistema de segurança que os oficiais disponibilizam, como o interrompimento de energia da tomada ao atingir o nível máximo de carga, evitando assim o superaquecimento do celular, uma das principais causas na diminuição da vida útil de um celular, como já citado anteriormente.

Celular conectado a um carregador não original e diminuindo a vida útil do celular
Use somente o carregador não original em situações extremas, mas não deixe isso se tornar um hábito.

O equipamento original passa por exigentes testes antes de ser comercializado, já a versão pirata do produto nem sempre. Além disso, cada tipo de smartphone tem o número exato de voltagens estabelecido no carregador original. Portanto, se porventura ocorrer de você perder ou estragar o carregador original, procure comprar outro o mais rápido possível.

Novas soluções

A boa notícia é que a vida útil de um celular tem sido alvo de discussão entre os cientistas. O Instituto de Pesquisas Toyota da América do Norte tem feito testes com carregadores a base de magnésio. Além do material ser mais barato, pode aumentar a vida útil de um celular, porém ainda não tem data para chegar ao mercado.

Homem segurando um celular com a tela ligada com um teclado branco sem fio atrás
As inovações tecnológicas são constantes, então é possível esperar informações muito positivas acerca desse assunto.

Outro tipo de bateria também está sendo testada na Universidade Americana de Drexel. Feito com um material supercondutor, a bateria permite carregamento completo em segundos. O destino principal desta nova empreitada são os veículos elétricos, mas por que não utilizar nos smartphones, não é mesmo?

Além desses, você conhece outros cuidados para aumentar a vida útil de um celular? Conta pra gente nos comentários. Se gostou desse post, não deixe de compartilhar nas suas redes sociais ou até mesmo com um amigo para que ele saiba como aumentar a vida do celular. No mais, acompanhe outros posts do site, pois temos certeza que você irá se identificar com muitos deles.

Confira Também!

Deixe uma resposta